Série baseada em Watchmen ganha seu primeiro trailer; veja

Nesta quarta-feira, dia 8 de maio, a HBO lançou o primeiro trailer da mais nova série baseada nos livros em quadrinhos de Watchmen. A produção tem estreia planejada até o final deste ano e já confirmou os atores Jeremy Irons e Regina King em seu elenco.

Os HQs de Watchmen foram criados por Alan Moore e lançados pela DC, nos anos 1980. A obra teve grande sucesso na eṕoca e foi adaptada no filme que leva o mesmo título das histórias em quadrinhos, lançado em 2009 com direção de Zack Snyder.

Nesta nova adaptação em seriado de televisão produzida pela HBO, o canal americano afirmou: “A série será uma reimaginação moderna do graphic novel revolucionário de Alan Moore sobre vigilantes mascarados”.

A trama gira entorno das consequencias obtidas pelos Estados Unidos após proibir a ação de super-heróis em meio á Guerra Fria.

Ainda sem uma data oficial de lançamento, a HBO prometeu que irá fazer de tudo para a série Watchmen ser lançada até o final deste ano.

Game of Thrones: Casa Targaryen deve ganhar série própria

Com a série record de audiência Game of Thrones em seus últimos episódios, a continuação da trama nas telas estão ganhando várias teorias.

A criação de séries derivadas ja é algo concreto, uma delas foi cancelada recentemente, porém, a outra, que deve se chamar ‘A Longa Noite’, já está no início de sua criação. Segundo o autor George R.R. Matin, ainda há planos de mais uma série que será focada na casa Targaryen.

A conturbada história da guerra pelo Trono de Ferro de Westeros chega á sua oitava e última temporada. Game of Thrones é baseada nos livros de Martin, as 7 obras literárias nomeadas ‘As Crônicas de Gelo e Fogo’.

Nessa última temporada os aliados de Jon Snow e Daenerys Targaryen lidam com a ameaça da família Lannister, que está capaz de derramar muito sangue para continuar no poder.

Segundo o Guinness World Records, a oitava temporada de Game of Thrones já ultrapassou a média global de audiência de todas as outras séries de TV lançadas nos últimos quatro anos.

Para continuar com todo este sucesso, a nova aposta da HBO é investir em séries derivadas do Universo de Game of Thrones.

A última pista foi dada pelo autor dos livros em que a série é baseada. George R.R. Martin escreveu em seu blog: “Sobre o que eles [spin-offs] são? Não posso dizer. Mas vocês deveriam comprar uma cópia do livro Fogo e Sangue e criar suas próprias teorias”.

Fogo e Sangue, lançado em 2018, é um dos livros sobre o Universo GoT. Ele conta a história da Casa Targaryan, que governou Westeros durante 300 anos e da qual Daenerys é uma das últimas representantes restantes.

Apesar de não ser uma notícia oficial, muitos fãs já estão especulando sobre a futura série pelo simples fato da fonte ser uma pessoa “até que confiável”, simplesmente o criador de todo o Universo Game of Thrones.

Sobre ‘A Longa Noite’, Martin confirmou que ela começa a ser filmada ainda neste ano, portanto podemos ter certeza que, apesar de Game of Thrones estar em sua última temporada, o seu universo não se encerra por aí.



MSI 2019: Team Liquid e Flash Wolves avançam para a próxima fase

Após conquistar a primeira colocação dos grupos A e B, as equipes Phong Vu Buffalo e Vega Squadron enfrentaram a Team Liquid e a Flash Wolves, respectivamente, que já estavam garantidas na segunda fase e confirmaram sua superioridade.

As partidas foram em formato MD5, onde são necessárias três vitórias para a classificação.

O primeiro confronto foi entre Phong Vu Buffalo e Team Liquid. Apesar de três jogos muito equilibrados, onde a equipe da casa, PVB, soube controlar bem os objetivos e em alguns momentos até ficou na frente, a Team Liquid conseguiu aproveitar os poucos erros dos vietnamitas e consagrou a classificação com um grandioso resultado de 3-0.

A segunda e última série do dia foi entre Flash Wolves e Vega Squadron. Surpreendendo a todos, o time russo da Vega venceu a primeira partida com uma atuação bem consistente, destacando o poder de rotação da equipe. A glória da Vega Squadron acabou por aí. Nos próximos três jogos a equipe taiwanesa Flash Wolves literalmente atropelou a representante da Rússia, e apesar do susto, conseguiu a classificação pelo placar de 3-1.

Apesar das derrotas de hoje, a equipe russa Vega Squadron e a vietnamita Phong Vu Buffalo ainda tem uma última chance. A repescagem para a última vaga do evento principal do MSI 2019 acontece amanhã, na terça, ás 7h no horário de brasília. Os russos encaram os vietnamitas em uma série melhor de 5.

No MSI 2019 a representante brasileira foi a INTZ, que após uma campanha muito abaixo do esperado foi eliminada ocupando a última colocação do grupo B. Com 5 derrotas e apenas uma vitória, foi a pior campanha de uma equipe brasileira no Mundialito de League of Legends.

O MSI, ou Mid Season Invitational é o campeonato mundial de League of Legends que acontece entre a primeira e a segunda etapa dos campeonatos regionais, assim, se classificando o melhor colocado de cada região. A edição 2019 acontece no Vietnã e Taiwan e irá distribuir 1 milhão de dólares em premiação.



Homem-Aranha: Longe de Casa ganha novo trailer que revela informações sobre o futuro do Universo Marvel

Nesta segunda, dia 6 de maio, a Marvel divulgou o segundo trailer da produção Homem-Aranha: Longe de casa. O vídeo mostra mais detalhes sobre o enredo do filme e traz revelações importantes sobre o futuro do Universo Marvel.

Antes do trailer começar de fato, o vídeo traz uma mensagem de Tom Holland, ator que interpreta o Homem-Aranha, dizendo aos fãs que o trailer contém spoilers sobre Vingadores: Ultimato e que quem não assistiu a super produção ainda deveria parar de ver o vídeo na hora. Entretanto, para quem já viu, Holland pede para que aproveitem o trailer.

O filme conta com um time bem renomado: a direção de fotografia conta com Matthew Lloyd, que esteve presente em Demolidor e Os Defensores. Claude Pare, que trabalhou em A Coisa e Planeta dos Macacos cuidará do design gráfico.

Homem-Aranha: Longe de Casa estreará nos cinemas brasileiros dia 4 de junho de 2019.


Vingadores: Ultimato arrecada US$ 2 bilhões em 11 dias e bate mais um record

A super produção da Marvel em apenas 11 dias de cartaz atingiu uma arrecadação de bilheteria superior a 2 bilhões de dólares e se tornou o filme que mais rapidamente chegou a esta marca.

Após bater o record de maior arrecadação no fim de semana de estreia, com 1 bilhão de dólares de arrecadação nos primeiros 3 dias, o filme Vingadores: Ultimato arrecadou 2 bilhões de dólares em apenas 11 dias, e, assim, se tornou o filme que mais depressa atingiu este montante.

O Record anterior pertencia ao Avatar. O filme que estreou em 2009 demorou 47 dias para conquistar a receita de 2 bilhões em bilheteria.

Com uma campanha de divulgação que incluiu crossover em videogame, que introduziu as armas dos Vingadores e o vilão Thanos no jogo Fortnite, estampa dos heróis em latinhas colecionáveis de refrigerante, em promoção com a Coca-Cola, e mais de 200 milhões de dólares gastos em marketing, os resultados instantâneos da bilheteria de Vingadores: Ultimato mostram que ele já está com os dois pés presentes em outro record: o de filme com maior bilheteria na história.

Atualmente a produção está em segundo lugar nesse ranking, atrás apenas de Avatar, após ultrapassar Titanic, Star Wars: O Despertar da Força e Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros.

Ranking de maior arrecadação em bilheteria:

  • Avatar (US$ 2,7 bilhões)
  • Vingadores: Ultimato (US$ 2,2 bilhões)
  • Titanic (US$2,1 bilhões)
  • Star Wars: O Despertador da Força (US$2,06 bilhões)
  • Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros (US$1,6 bilhões)

O mais novo filme da Marvel, Vingadores: Ultimato é o capítulo final da série de 22 filmes, que se iniciou em 2007. A produção mostra o desfecho de personagens populares dos quadrinhos e do cinema, como Homem de Ferro, Hulk, Thor e outros contra o vilão Thanos.

Com apenas 16.6% de aproveitamento INTZ é eliminada com pior campanha brasileira na história do MSI

Neste domingo a INTZ, representante brasileira no MSI 2019, disse adeus ao Mundialito de League of Legends. Com uma vitória e cinco derrotas a equipe obteve 16.6% de aproveitamento e amargou a última posição do grupo B da competição.

A INTZ estreou no sábado, quando jogou contra a equipe russa Vega e posteriormente contra a trailandesa Mega. Sofrendo duas derrotas a brasileira já ocupava a lanterna do grupo B, necessitando assim vencer todos os jogos deste domingo para ainda sonhar com a classificação para a segunda fase do MSI 2019

A situação que já era complicada, complicou ainda mais. No primeiro jogo do domingo, contra equipe japonesa DFM, a INTZ continuou jogando mal e com graves erros de equipe, não conseguiu defender os objetivos e sofreu a derrota.

Entretanto o ponto baixo da INTZ ainda estaria para vir. O próximo jogo era novamente contra a Vega, que atropelou a equipe brasileira conseguindo a vitória em míseros 22 minutos, partida mais rápida da competição até então.

Já sem nenhuma chance de classificação, a próxima partida era o jogo de volta contra a equipe Mega, que também estava jogando apenas para cumprir tabela. Com destaque para o jogador Tay, a composição com Sona e Taric na rota inferior deu certo. O topo também obteve sucesso na escolha de Hecarim e assim os brasileiros conseguiram sua primeira e única vitória na competição.

A despedida, no entanto, se deu no reencontro com a DFM. Neste jogo, ambas as equipes também estavam eliminadas e a partida era apenas para cumprir tabela. Após um início relativamente bom, o mesmo erro de todo o campeonato voltou a acontecer: a INTZ não conseguiu acompanhar os movimentos de rotação da equipe adversária, que após alcançar facilmente seus objetivos, como dragão e torres, conquistou a vitória, enterrando a representante brasileira na lanterna do grupo B com uma vitória e cinco derrotas.

A Vega Squadron, da Rússia, foi a classficada do grupo B, e enfrentará a Flash Wolves nesta segunda-feira ás 9h, horário de Brasília. No grupo A, quem se deu bem foi a representante local, o time vietnamita Phong Vu Buffalo, que encara a Team Liquid um pouco mais cedo, ás 5h.

Foi a pior campanha do Brasil na história da competição. Em 2017, a Red Canids também foi eliminada na primeira fase, mas com quatro vitórias e duas derrotas. A KaBuM também repetiu esse feito ano passado.

Disney+ ganha data de lançamento, preço, design e mais; veja

No final do ano passado a Disney disse que sua plataforma de streaming estava quase pronta para ser anunciada. Cumprindo suas promessas, a gigante do cinema foi lançando spoilers sobre o suposto novo serviço. O maior deles aconteceu no fim do mês passado, onde pudemos descobrir a data de lançamento, os preços, o design e outras informações do serviço de streaming da Disney, o Disney+.

Logo em seu lançamento, que acontecerá no dia 12 de novembro, apenas nos Estados Unidos, o Disney+ promete mais de 7,5 mil episódios de séries e mais de 400 filmes, sendo que, 100 são “títulos recentes”. Entre todo esse conteúdo estarão produções da Disney Channel, Marvel, Star Wars e Pixar.

Alguns títulos serão de exclusividade do Disney+, ou seja, somente estarão disponíveis lá e em nenhum outro serviço de streaming.

Um exemplo de título exclusivo é Os Simpsons: todos os episódios das 30 temporadas só estarão disponíveis no Disney+.

Lançamentos como Capitã Marvel, O Rei Leão e Vingadores:Ultimato também se incluem nessa política.

Alguns recursos também foram anunciados: a Disney relatou que todos os títulos do Disney+ poderão ser baixados para serem assistidos offline.

A acessibilidade também ganhou destaque: O serviço poderá ser acessado em Smart TVs, Chromecast, Apple TV, PlayStation 4, Xbox One, Nintendo Switch, computadores e além de, claro, a versão mobile.

Como já foi dito, os Estados Unidos serão os primeiros a receberem o Disney+. Para os residentes dos EUA ou quem decidir se aventurar utilizando serviços VPN para ter acesso ao conteúdo, ele custará 6,99 dólares no plano mensal e 69,99 dólares no plano anual.

A Disney também prometeu o lançamento nas regiões como América Latina, Europa e Ásia, porém, isso apenas acontecerá “ao longo dos pŕoximos anos”, como disse a companhia.

O objetivo geral em questão de acesso global é atingir a maioria dos principais mercado até o final de 2021.



Após críticas, visual de Sonic em filme irá sofrer alterações

O anuncio do trailer da produção Sonic: O Filme teve grande repercussão nas redes sociais, atingindo até os trending topics do Twitter. Apesar da maioria desse feedback ser positivo, muita gente criticou a aparência realistica do próprio Sonic.

“Vocês querem mudanças e elas irão acontecer”

Após críticas, o diretor da produção, Jeff Fowler, afirma que os fãs foram escutados e que a aparência de Sonic irá muda

O live-action trouxe inicialmente Sonic com uma aparência mais “humana”, que, segundo os fãs, não combinavam com o personagem que era visto nos jogos.

As críticas funcionaram. Em menos de 48 horas depois do lançamento do trailer, o diretor Jeff Fowler publicou em seu twitter que o visual de Sonic será alterado.

Obrigado pelo apoio e pelas críticas. A mensagem é alta e clara. Todo mundo na Paramount e na SEGA estão totalmente comprometidos em fazer desse personagem o melhor possível.

Esclarece Fowler

Outras críticas abordaram a escolha da música tema do filme, que segundo alguns fãs não combinou nada com os clássicos games do Sonic, e o Dr. Robotnik, interpretado por Jim Carrey, mas que não possui a clássica “pancinha” do personagem original.

O esquecimento de outros personagens clássicos da série de games também gerou reclamação. Apenas Sonic, o Dr. Robotnik e o ouriço deram as caras na produção cinematográfica.

Entretanto, as críticas que envolvem Dr. Robotnik, a música e a aparição de outros personagens não foram comentadas pelo diretor Jeff Fowler, pela criadora do game SEGA ou pela desenvolvedora do filme, a Paramount.

Também não houveram comentários sobre alteração na estreia do filme, que está prevista o dia 8 de Novembro. Devido a isso, podemos crer que as mudanças não vão alterar a data anunciada anteriormente.

Se você ainda não assistiu, confira aqui o trailer e as últimas novidades sobre Sonic: O Filme.



Feliz Star Wars Day! Jogos da saga ficarão de graça durante mês de Maio

A Electronic Arts anunciou a promoção, que será válida durante todo o mês de Maio aos assinantes do Origin Acess. A galeria de jogos online reúne tanto os jogos mais novos como também os clássicos da franquia Star Wars.

A promoção é para celebrar o dia 4 de maio, que é considerado pelos fãs da franquia de todo o mundo o dia do Star Wars. A escolha do dia se deve á sonoridade da data em inglês, que lembra muito a famosa frase “que a força esteja com você”: “May the Fourth be with you”.

Sete jogos da franquia estão confirmados para participar da promoção:

  • STAR WARS Jedi Knight: Jedi Academy;
  • STAR WARS Battlefront II;
  • STAR WARS Republic Commando;
  • STAR WARS Rogue Squadron 3D;
  • STAR WARS – Dark Forces;
  • STAR WARS Galactic Battlegrounds Saga;
  • STAR WARS Starfighter

A promoção engloba tanto as versões para PC quanto as versões disponíveis para console no EA Acess.

O Origin Acess custa R$47,90 para o plano trimestral de assinatura e R$109,90 para o plano anual. Os interessados em ter acesso “grátis” aos jogos da franquia Star Wars litados acima deverão estar com assinatura vigente no serviço.


Death Note, mangá ganhará nova história

A informação é da renomada revista japonesa Jump Square. Segundo a revista, que é uma das principais do ramo de mangás no Japão, a história inédita sobre a obra Death Note contará as consequências da chegada dos shinigamis á Terra.

O novo capítulo será escrito por Takeshi Obata, o mesmo mangaká responsável pela arte da história original de Death Note, fato que alegrou muito os fãs da série.

Ainda sem ter seu título oficial revelado, o novo capítulo que conta sobre as chegadas dos shinimagis á terra ganhou o nome provisório de “1-shot”.

A data de lançamento também não foi divulgada, porém, a produtora disse que em um evento do mangaká Obata uma prévia do manuscrito original do novo capítulo será exibida.

Este evento, que celebrará a carreira de Takeshi Obata, acontecerá entre 13 de julho e 12 de agosto, em Tóquio.

O mangá Death Note começou a ser publicado em 2003, pela JBC. Com o grande sucesso, a obra virou anime em 2006 e recebeu dois filmes, uma produção japonesa e uma original da Netflix, ambas em 2007.