Extermidador do Futuro – Destino Sombrio: Trailer oficial

O teaser trailer de Exterminador do Futuro: Destino Sombrio apresenta o tão esperado retorno de Linda Hamilton como a icônica Sarah Connor. Ela sai de um carro em câmera lenta, disparando contra o assassino ciborgue. É assim que a felicidade é? Nós vemos muito mais coisas acontecendo no trailer, mas vamos ser honestos: estamos todos aqui para o retorno da mamãe mais dura do cinema.

Há muito para se ficar animado com o último filme do Exterminador. Para começar, reúne o trio principal que tornou os dois primeiros filmes excelentes: Schwarzenegger, Hamilton e James Cameron. E enquanto Cameron não está dirigindo o posto fica para Tim Miller (Deadpool) e ele claramente deixa suas impressões por toda parte.

Exterminador do Futuro: Destino Sombrio funciona como uma continuação direta do Exterminador 2 de 1991: Julgamento Final, ignorando Rebelião das Máquinas, A Salvação e Gênesis. Embora sua milhagem nesses filmes possa variar (eu sou um dos poucos que gostaram de Gênesis), achei uma decisão inteligente despir a franquia até os dois primeiros filmes essenciais.

O Halloween do ano passado tomou a mesma decisão de retransmitir suas numerosas continuações, o que valeu a pena com uma história complicada e descomplicada e um retorno à forma de Jamie Lee Curtis. É uma jogada inteligente para ambas as franquias, já que se concentra menos na mitologia e mais no que tornou esses filmes tão indeléveis em primeiro lugar: suas mulheres carismáticas e importantes.

O teaser apresenta duas novas mulheres para a franquia: Natalia Reyes interpreta Dani, uma mulher alvo de rescisão, e Mackenzie Davis (Halt e Catch Fire) como Grace, o novo Exterminador enviado para protegê-la, que pode ser mais humano do que máquina.

As três mulheres estão sendo perseguidas pela mais recente versão sinistra do Exterminador do Futuro, interpretada por Gabriel Luna, agente do S.H.I.L.D. Vamos dar uma olhada em alguns novos VFX para Luna, que é parte exoesqueleto preto, metal líquido preto. É um novo e emocionante upgrade que relembra os efeitos especiais inovadores do T-1000.

Também temos uma prévia do retorno do T-800 favorito de todos, Arnold Schwarzenegger, mas o foco está claramente nas mulheres da história e em sua luta pela sobrevivência. Como nas sequências anteriores, Exterminador do Fututo: Destino Sombrio espera lançar uma nova trilogia centrada em torno de seu elenco mais jovem, tornando este trailer emocionante, Exterminador do Fututo: Destino Sombrio parece ter sucesso onde sequências anteriores falharam.

E se esta não for uma fórmula vencedora, não sei o que é. Como o Halloween e até mesmo como a nova trilogia de Guerra nas Estrelas, é mais claro do que nunca que o público quer ver os amados personagens legados retornarem às suas franquias.

É o melhor casamento de fãs do velho e do novo, algo que atrai tanto o público jovem quanto os fãs mais velhos. Além disso, o cinema pode sempre usar mulheres mais duronas de certa idade.

Exterminador do Futuro: Destino Sombrio deve chegar aos cinemas em 1 de novembro de 2019 e confesso que estou ansioso para assistir. O Exterminador do Futuro é um clássico para a Cultura Nerd, conheça um pouco mais sobre cada filme da franquia:

Exterminador do Futuro

O Exterminador do Futuro

Lançado em 1984, sob a direção de James Cameron e estrelou Arnold Schwarzenegger, Linda Hamilton e Michael Biehn. Neste filme, a inteligência artificial Skynet, manda de volta para 1984 um Exterminador para matar Sarah Connor, mãe do futuro líder da resistência contra as máquinas John Connor. Por sua vez, a Resistência envia de volta na década de 1980 um soldado de John, Kyle Reese, para proteger Sarah. (Wikipedia)

Dia do Julgamento

Lançado como sequência do Exterminador do Futuro em 1991. Foi também dirigido por James Cameron e estrelou Schwarzenegger, Linda Hamilton, Edward Furlong e Robert Patrick. Neste filme, a Skynet manda outro Exterminador, o T-1000 (Patrick), para matar John Connor quando este tem dez anos. Porém a resistência manda um T-800 reprogramado, parecido com o que tentou matar Sarah Connor, para proteger John. (Wikipedia)

Rebelião das Máquinas

Lançado em 2003, desta vez, dirigido por Jonathan Mostow e estrelando Arnold Schwarzenegger como T-850, Nick Stahl como John Connor, Claire Danes, e Kristanna Loken. Mesmo tendo em tese prevenido a guerra com as máquinas, John Connor vive com medo do futuro e vive nas sombras. Eventualmente ele descobre que a criação da Skynet é inevitável quando chegam do futuro dois Exterminadores, a desenvolvida T-X (Loken) visando matar os futuros tenentes da Resistência, e um T-850 para proteger John e e sua futura esposa Kate Brewster (Danes). (Wikipedia)

A Salvação

A Salvação é o quarto filme da série, lançado em 21 de maio de 2009. Foi dirigido por McG e contou com Christian Bale como John Connor, Anton Yelchin como Kyle Reese, mais Sam Worthington. Foi o único filme da série sem Schwarzenegger, à época Governador da Califórnia, embora suas feições sejam replicadas por computação gráfica em um Exterminador. (Wikipedia)

Exterminador do Futuro - Gênesis

Gênesis

Gênesis é o quinto filme da série, distribuído pela Paramount Pictures e lançado em julho de 2015. Foi dirigido por Alan Taylor, contando com o retorno de Schwarzenegger, mais Emilia Clarke como Sarah Connor, Jai Courtney como Kyle Reese, e Jason Clarke como John Connor. A história volta ao ponto de partida de The Terminator, com John Connor enviando Kyle Reese ao passado. Porém a Skynet ataca John e dá início a uma nova cronologia: quando Kyle chega em 1984, Sarah é uma guerreira criada desde a infância por um Exterminador (Schwarzenegger), que agora quer prevenir a Skynet de existir. (Wikipedia)

Dicas

Para você que é fã da série como nós não pode deixar de conferir diversos de produtos e filmes do Exterminador do Futuro em nosso Guia do Comprador, aproveite e economize muito. Não deixe de acompanhar as novidades e lançamentos do cinema em nossa sessão “Filmes“.

Cemitério Maldito: Saiba um pouco mais sobre Church

Os gatos são, de certo modo, os árbitros do mal. Está em seus olhos brilhantes, que sabem demais. É nos seus movimentos graciosos, a sua capacidade fantasma de estar lá um segundo e passar no seguinte. Eles vêem coisas que não fazemos. Eles sabem coisas que não sabemos. Eles são astutos e aterrorizantes – e eles são perfeitos personagens de filmes de terror, saiba um pouco mais sobre Church o gato do filme Cemitério Maldito.

“Eles são fascinantes porque não dão a mínima para você”, diz Amy Seimetz, que interpreta Rachel Creed em Kevin Kölsch e Pet Sematary, de Dennis Widmyer, a nova adaptação do famoso romance Cemitério Maldito de 1983 de Stephen King. “Eles parecem estar fazendo algo o tempo todo e, quando saem da sala, você fica tipo:” O que você fez o dia todo? “É quase como um amante que está traindo você.”

Isso é certamente verdadeiro para Church, o felino sarnento do coração do novo filme. O gato da família virou malvado criador do mal depois que ele foi morto na estrada e reanimado pelo Cemitério Maldito, ele tem sido uma grande parte do marketing do filme, e por uma boa razão: ele é um ladrão de cena, sem dúvida o melhor – e certamente o mais notável – gato para aparecer em um filme de terror moderno.

Esta é a segunda vez de Church na tela grande; Ele também foi trazido à vida no filme de Mary Lambert em 1989, onde ele foi interpretado por um shorthair britânico. Esse gato é um ícone de terror por si só, mas a nova versão dá à Church ainda mais espaço para brilhar. Ele é parte integrante do enredo do filme e a causa raiz de sua inversão mais devastadora. Ele também tem uma aparência diferente desta vez, uma que adere ao rei do vintage.

“Nós olhamos para a capa do filme original, aquela incrível obra de arte, e dissemos: ‘Bem, o filme acontece no Maine, parece um Maine Coon na capa, então vamos fazer isso’”, Widmyer me contou sobre a decisão. para mudar a raça para o filme dele e de Kölsch. Ele está se referindo à capa da primeira edição do livro da artista Linda Fennimore, que de fato parece um Maine Coon. O filme também é ambientado no Maine nativo de King, de modo que a raça funciona como uma referência dupla à lenda do terror.

E enquanto os gatos são muitas vezes uma espécie incompreendida – e injustamente difamada na cultura pop – os fãs felinos não precisam se preocupar; Widmyer e Kölsch são grandes felinos e cada um possui vários amigos peludos. Esse amor sangra no filme.

Essa representação sólida é em grande parte graças aos treinadores de animais do filme, Melissa Millett e Kirk Jarrett, que treinaram cinco diferentes gatos para o papel, embora fossem dois destaques – chamados Leo e Tonic – que fizeram a maior parte do trabalho. Os gatos eram tão especiais para os treinadores que eles os adotaram depois que as filmagens de Cemitério Maldito terminaram. Eles até têm suas próprias contas no Instagram!

Série baseada em Watchmen ganha seu primeiro trailer; veja

Nesta quarta-feira, dia 8 de maio, a HBO lançou o primeiro trailer da mais nova série baseada nos livros em quadrinhos de Watchmen. A produção tem estreia planejada até o final deste ano e já confirmou os atores Jeremy Irons e Regina King em seu elenco.

Os HQs de Watchmen foram criados por Alan Moore e lançados pela DC, nos anos 1980. A obra teve grande sucesso na eṕoca e foi adaptada no filme que leva o mesmo título das histórias em quadrinhos, lançado em 2009 com direção de Zack Snyder.

Nesta nova adaptação em seriado de televisão produzida pela HBO, o canal americano afirmou: “A série será uma reimaginação moderna do graphic novel revolucionário de Alan Moore sobre vigilantes mascarados”.

A trama gira entorno das consequencias obtidas pelos Estados Unidos após proibir a ação de super-heróis em meio á Guerra Fria.

Ainda sem uma data oficial de lançamento, a HBO prometeu que irá fazer de tudo para a série Watchmen ser lançada até o final deste ano.

Veja os melhores aplicativos para android: Vencedores da Google Play Wards 2019 são anunciados

Nesta terça-feira, dia 7 de maio, a Google anunciou quais foram os vencedores do Google Play Awards. A competição visa escolher os melhores aplicativos da loja oficial para dispositivos Android da empresa, a Google Play Store.

O Google Play Awards acontece anualmente e traz a opinião da equipe da própria Google. Diversos setores de trabalho votam nos seus aplicativos favoritos, divididos em várias categorias. Para avaliar, são considerados fatores como experiência do usuário, inovação, design e acessibilidade.

As novidades do Google Play Awards 2019 são três novas categorias: Aplicativo mais inovador, jogo mais bonito e melhor experiência de sala de TV, este, sendo exclusivo para aplicativos que possuem conectividade com Chromecast ou Smart Tvs.

Entre os vencedores, temos aplicativos como o Envision, que oferece mais independência ás pessoas com deficiência visual. Ele processa imagens e textos reproduzindo-os em aúdio de forma precisa e rápida e foi premiado na categoria acessibilidade.

Outro premiado, este da categoria bem-estar, é o Woebot, que busca ajudar os usuários a lidar com a depressão, ansiedade e outras doenças psicológicas.

Na categoria impacto social, o premiado foi o Wisdo. Com ele é possível compartilhar ou ler histórias de vida que são sub-divididas em grupos específicos, como maternidade, ansiedade, depressão, LGBT e outros.

Os games também marcaram presença no Google Play Awards 2019. Entre os jogos vencedores temos o Shadowgun Legends, que recebeu o prêmio de jogo com gráfico mais bonito.

Também há o Marvel Strike Force, que traz as aventuras do Universo Marvel para a tela do seu celular e ganhou no quesito jogo mais inovadores.

Confira a lista completa dos vencedores:

  • Melhor app de bem-estar: Woebot: Your Self-Care Expert
  • Melhor experiência de acessibilidade: Envision Al
  • Melhor impacto social: Wisdo
  • Jogo mais bonito: Shadowgun Legends
  • Melhor experiência em sala de TV: Neverthink: Handpicker Vídeos
  • Mais inventivo: Tick Tock: A Tale for Two
  • Melhor experiência em mercados emergentes: Editor Gráfico Canva: logo, convite, fotos criador
  • Aplicativo mais inovador Slowly
  • Jogo mais inovador: Marvel Strike Force

Game of Thrones: Casa Targaryen deve ganhar série própria

Com a série record de audiência Game of Thrones em seus últimos episódios, a continuação da trama nas telas estão ganhando várias teorias.

A criação de séries derivadas ja é algo concreto, uma delas foi cancelada recentemente, porém, a outra, que deve se chamar ‘A Longa Noite’, já está no início de sua criação. Segundo o autor George R.R. Matin, ainda há planos de mais uma série que será focada na casa Targaryen.

A conturbada história da guerra pelo Trono de Ferro de Westeros chega á sua oitava e última temporada. Game of Thrones é baseada nos livros de Martin, as 7 obras literárias nomeadas ‘As Crônicas de Gelo e Fogo’.

Nessa última temporada os aliados de Jon Snow e Daenerys Targaryen lidam com a ameaça da família Lannister, que está capaz de derramar muito sangue para continuar no poder.

Segundo o Guinness World Records, a oitava temporada de Game of Thrones já ultrapassou a média global de audiência de todas as outras séries de TV lançadas nos últimos quatro anos.

Para continuar com todo este sucesso, a nova aposta da HBO é investir em séries derivadas do Universo de Game of Thrones.

A última pista foi dada pelo autor dos livros em que a série é baseada. George R.R. Martin escreveu em seu blog: “Sobre o que eles [spin-offs] são? Não posso dizer. Mas vocês deveriam comprar uma cópia do livro Fogo e Sangue e criar suas próprias teorias”.

Fogo e Sangue, lançado em 2018, é um dos livros sobre o Universo GoT. Ele conta a história da Casa Targaryan, que governou Westeros durante 300 anos e da qual Daenerys é uma das últimas representantes restantes.

Apesar de não ser uma notícia oficial, muitos fãs já estão especulando sobre a futura série pelo simples fato da fonte ser uma pessoa “até que confiável”, simplesmente o criador de todo o Universo Game of Thrones.

Sobre ‘A Longa Noite’, Martin confirmou que ela começa a ser filmada ainda neste ano, portanto podemos ter certeza que, apesar de Game of Thrones estar em sua última temporada, o seu universo não se encerra por aí.



MSI 2019: Team Liquid e Flash Wolves avançam para a próxima fase

Após conquistar a primeira colocação dos grupos A e B, as equipes Phong Vu Buffalo e Vega Squadron enfrentaram a Team Liquid e a Flash Wolves, respectivamente, que já estavam garantidas na segunda fase e confirmaram sua superioridade.

As partidas foram em formato MD5, onde são necessárias três vitórias para a classificação.

O primeiro confronto foi entre Phong Vu Buffalo e Team Liquid. Apesar de três jogos muito equilibrados, onde a equipe da casa, PVB, soube controlar bem os objetivos e em alguns momentos até ficou na frente, a Team Liquid conseguiu aproveitar os poucos erros dos vietnamitas e consagrou a classificação com um grandioso resultado de 3-0.

A segunda e última série do dia foi entre Flash Wolves e Vega Squadron. Surpreendendo a todos, o time russo da Vega venceu a primeira partida com uma atuação bem consistente, destacando o poder de rotação da equipe. A glória da Vega Squadron acabou por aí. Nos próximos três jogos a equipe taiwanesa Flash Wolves literalmente atropelou a representante da Rússia, e apesar do susto, conseguiu a classificação pelo placar de 3-1.

Apesar das derrotas de hoje, a equipe russa Vega Squadron e a vietnamita Phong Vu Buffalo ainda tem uma última chance. A repescagem para a última vaga do evento principal do MSI 2019 acontece amanhã, na terça, ás 7h no horário de brasília. Os russos encaram os vietnamitas em uma série melhor de 5.

No MSI 2019 a representante brasileira foi a INTZ, que após uma campanha muito abaixo do esperado foi eliminada ocupando a última colocação do grupo B. Com 5 derrotas e apenas uma vitória, foi a pior campanha de uma equipe brasileira no Mundialito de League of Legends.

O MSI, ou Mid Season Invitational é o campeonato mundial de League of Legends que acontece entre a primeira e a segunda etapa dos campeonatos regionais, assim, se classificando o melhor colocado de cada região. A edição 2019 acontece no Vietnã e Taiwan e irá distribuir 1 milhão de dólares em premiação.



Homem-Aranha: Longe de Casa ganha novo trailer que revela informações sobre o futuro do Universo Marvel

Nesta segunda, dia 6 de maio, a Marvel divulgou o segundo trailer da produção Homem-Aranha: Longe de casa. O vídeo mostra mais detalhes sobre o enredo do filme e traz revelações importantes sobre o futuro do Universo Marvel.

Antes do trailer começar de fato, o vídeo traz uma mensagem de Tom Holland, ator que interpreta o Homem-Aranha, dizendo aos fãs que o trailer contém spoilers sobre Vingadores: Ultimato e que quem não assistiu a super produção ainda deveria parar de ver o vídeo na hora. Entretanto, para quem já viu, Holland pede para que aproveitem o trailer.

O filme conta com um time bem renomado: a direção de fotografia conta com Matthew Lloyd, que esteve presente em Demolidor e Os Defensores. Claude Pare, que trabalhou em A Coisa e Planeta dos Macacos cuidará do design gráfico.

Homem-Aranha: Longe de Casa estreará nos cinemas brasileiros dia 4 de junho de 2019.


Vingadores: Ultimato arrecada US$ 2 bilhões em 11 dias e bate mais um record

A super produção da Marvel em apenas 11 dias de cartaz atingiu uma arrecadação de bilheteria superior a 2 bilhões de dólares e se tornou o filme que mais rapidamente chegou a esta marca.

Após bater o record de maior arrecadação no fim de semana de estreia, com 1 bilhão de dólares de arrecadação nos primeiros 3 dias, o filme Vingadores: Ultimato arrecadou 2 bilhões de dólares em apenas 11 dias, e, assim, se tornou o filme que mais depressa atingiu este montante.

O Record anterior pertencia ao Avatar. O filme que estreou em 2009 demorou 47 dias para conquistar a receita de 2 bilhões em bilheteria.

Com uma campanha de divulgação que incluiu crossover em videogame, que introduziu as armas dos Vingadores e o vilão Thanos no jogo Fortnite, estampa dos heróis em latinhas colecionáveis de refrigerante, em promoção com a Coca-Cola, e mais de 200 milhões de dólares gastos em marketing, os resultados instantâneos da bilheteria de Vingadores: Ultimato mostram que ele já está com os dois pés presentes em outro record: o de filme com maior bilheteria na história.

Atualmente a produção está em segundo lugar nesse ranking, atrás apenas de Avatar, após ultrapassar Titanic, Star Wars: O Despertar da Força e Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros.

Ranking de maior arrecadação em bilheteria:

  • Avatar (US$ 2,7 bilhões)
  • Vingadores: Ultimato (US$ 2,2 bilhões)
  • Titanic (US$2,1 bilhões)
  • Star Wars: O Despertador da Força (US$2,06 bilhões)
  • Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros (US$1,6 bilhões)

O mais novo filme da Marvel, Vingadores: Ultimato é o capítulo final da série de 22 filmes, que se iniciou em 2007. A produção mostra o desfecho de personagens populares dos quadrinhos e do cinema, como Homem de Ferro, Hulk, Thor e outros contra o vilão Thanos.

Com apenas 16.6% de aproveitamento INTZ é eliminada com pior campanha brasileira na história do MSI

Neste domingo a INTZ, representante brasileira no MSI 2019, disse adeus ao Mundialito de League of Legends. Com uma vitória e cinco derrotas a equipe obteve 16.6% de aproveitamento e amargou a última posição do grupo B da competição.

A INTZ estreou no sábado, quando jogou contra a equipe russa Vega e posteriormente contra a trailandesa Mega. Sofrendo duas derrotas a brasileira já ocupava a lanterna do grupo B, necessitando assim vencer todos os jogos deste domingo para ainda sonhar com a classificação para a segunda fase do MSI 2019

A situação que já era complicada, complicou ainda mais. No primeiro jogo do domingo, contra equipe japonesa DFM, a INTZ continuou jogando mal e com graves erros de equipe, não conseguiu defender os objetivos e sofreu a derrota.

Entretanto o ponto baixo da INTZ ainda estaria para vir. O próximo jogo era novamente contra a Vega, que atropelou a equipe brasileira conseguindo a vitória em míseros 22 minutos, partida mais rápida da competição até então.

Já sem nenhuma chance de classificação, a próxima partida era o jogo de volta contra a equipe Mega, que também estava jogando apenas para cumprir tabela. Com destaque para o jogador Tay, a composição com Sona e Taric na rota inferior deu certo. O topo também obteve sucesso na escolha de Hecarim e assim os brasileiros conseguiram sua primeira e única vitória na competição.

A despedida, no entanto, se deu no reencontro com a DFM. Neste jogo, ambas as equipes também estavam eliminadas e a partida era apenas para cumprir tabela. Após um início relativamente bom, o mesmo erro de todo o campeonato voltou a acontecer: a INTZ não conseguiu acompanhar os movimentos de rotação da equipe adversária, que após alcançar facilmente seus objetivos, como dragão e torres, conquistou a vitória, enterrando a representante brasileira na lanterna do grupo B com uma vitória e cinco derrotas.

A Vega Squadron, da Rússia, foi a classficada do grupo B, e enfrentará a Flash Wolves nesta segunda-feira ás 9h, horário de Brasília. No grupo A, quem se deu bem foi a representante local, o time vietnamita Phong Vu Buffalo, que encara a Team Liquid um pouco mais cedo, ás 5h.

Foi a pior campanha do Brasil na história da competição. Em 2017, a Red Canids também foi eliminada na primeira fase, mas com quatro vitórias e duas derrotas. A KaBuM também repetiu esse feito ano passado.

Xiaomi Mi Notebook Air ganha nova geração com “perfil Apple”

A Mi Notebook Air é uma linha de notebooks da Xiaomi que possuem um perfil de design e processamento bem parecidos com os MacBooks Air, da Apple. Com a mais nova geração que foi lançada recentemente, a gigante chinesa promete balançar o mercado dos ‘Airs’ com qualidade e preço baixo.

O processamento do Mi Notebook Air conta com um Core M3, 4GB de memória RAM e 256GB de armazenamento SSD. Para quem for um pouco mais exigente, ainda existe uma versão mais poderosa, com processador Core i5 e os mesmos valores de RAM e SSD.

O design é um dos pontos altos desse notebook. Na sua construção foi utilizado alumínio em toda a carcaça, metal leve que fazem o Mi Air pesar apenas 1,07kg. Ele também é muito fino, com 12,9 milímetros de espessura.

Com tecnologia Full HD de 12,5 polegadas, o display é totalmente revestido com vidro e safira, dando um poder de durabilidade e alta resistência contra riscos para a tela.

O dispositivo ainda conta com bateria fast charger, que pode ser recarregada até 50% em apenas 35 minutos na tomada.

O Mi Notebook Air começou a ser vendido na China no final do mês passado, e está saindo pelo valor de 3.599 yuans, 2.074 reais em conversão direta.

Para a versão mais avançada, com processador i5, a Xiaomi está pedindo um pouco mais, 4.299 yuans ou 2.477 reais em conversão direta.

Vale lembrar que o valor em reais não considera os impostos de importação, necessários para quem quiser comprar o produto aqui no Brasil.

Como a Xiaomi não atua no mercado brasileiro, a chance do produto ser lançado de forma oficial aqui no Brasil é muito baixa, quase nula.