Jogador de League of Legends é banido por… dar spoilers?

Sim, o título da notícia é verdadeiro. A Riot Games, produtora do game League of Legends, classificou o comportamento como “atitude tóxica” e baniu o jogador Laptop-Guy durante três dias.

A punição ocorreu no começo desta semana, após Laptop-Guy ter compartilhado spoiler sobre o filme Vingadores: Ultimato no chat global da partida em que estava jogando, ou seja, tanto para seus companheiros de equipe quanto para seus adversários.

Achando a situação cômica, o jogador postou no Reddit o e-mail enviado a ele onde a Riot Games explicava a punição.

“Eu sei que você está animado para discutir sobre o último filme dos Vingadores com os outros, mas dar spoilers para os jogadores que ainda não o assistiram não é legal. Dessa vez, sua conta foi punida com três dias de suspensão por conta do seu comportamento” E-mail informativo da Riot Games sobre a punição.

Laptop-Guy não foi o único. Após a viralização do caso nas redes sociais, outros jogadores de League of Legends relataram que também receberam punições pelo mesmo motivo.



Após vencer o Flamengo, INTZ reprensentará o Brasil no Mundial de LoL; veja seus futuros adverśarios

Após vencer o Flamengo na final de cinco jogos, a INTZ se saudou campeã do CBLoL 2019 e se classificou para o MSI, segunda competição mais importante do cenário do game League of Legends.

O Mid-Season Invitational 2019 acontecerá entre os dias 1 e 19 de maio. A edição deste ano será no Vietnã e Taipé Chinesa.

Os torneios regionais em todo o mundo já terminaram, assim, todas as ligas já possuem seus respectivos representantes no MSI, potenciais adversários da representante brasileira INTZ.

A primeira fase acontecerá do dia 1ª ao dia 7 de maio, no Vietnã. As dez equipes menos prestigiadas disputarão três vagas para o Evento principal, que ocorrerá entre os dias 10 e 19, em Taipé.

As equipes da fase de entrada e suas respectivas regiões são: INTZ (Brasil); Fenerbahçe (Turquia); Phong Vũ Buffalo (Vietnã); Vega Squadron (Comunidade dos Estados Independentes); MEGA (Sudeste Asiático); Bombers (Oceania); FocusMe (Japão) e Isurus (América Latina).

As três equipes que passarem da fase de entrada enfrentarão a Team Liquid (América do Norte) e a Flash Wolves (Taiwan, Hong Kong e Macau) na segunda fase da competição, onde se classificarão mais duas equipes para a Fase Principal.

Na fase principal já estão garantidos os três times mais prestigiados do momento, que são a G2 (Europa), Invictus (China) e SKT1 (Coreia do Sul). Nesta fase final, todos se enfrentam e o time com maior pontuação se consagra campeão do mundialito.

Para a campanha no MSI 2019, a INTZ contará com a mesma escalação do título do CBLoL. Os representantes do Brasil que jogarão pela INTZ são Rodrigo “Tay”, Diogo “Shini”, Bruno “Envy”, Guilherme “Mills” e Ygor “RedBert”.



‘Sonic: O Filme’ terá estrela de Hollywood no papel de Dr. Robotnik; veja trailer

A Paramount, produtora de Sonic: O Filme, divulgou hoje, 30 de abril, o primeiro trailer da produção. O vídeo apresenta as primeiras informaçoes do roteiro e confirma a presença de nada mais, nada menos do que Jim Carrey como Dr. Robotnik.

A trama do filme conta a história do nosso antigo amigo Sonic fugindo do governo dos EUA, que quer captura-lo para realização de estudos na suposta esquisita criatura.

Para escapar, Sonic conta com a ajuda de um policial de uma cidade rural e de Dr. Ivo Robotnik.

O filme será em sua grande parte uma produção live action, com a única exceção sendo a animação 3D do personagem Sonic. A responsalidade dessa animação fica por parte do estúdio Blur, o mesmo que cuidou dos efeitos especiais de Deadpool.

Com a direção de Jeff Fowler e produção de Tim Miller (diretor de Deadpool), Sonic: O Filme tem previsão de lançamento no Brasil para 20 de janeiro de 2020.



Vingadores: Ultimato quebra recorde e é o filme com maior arrecadação em estreia

A superprodução da Marvel superou as previsões e bateu todos os recordes de arrecadação em estreia. O filme somou inacreditáveis 1,2 bilhão de dólares nas bilheterias mundiais.

Além da quebra de recorde internacional, o filme também atingiu a marca de maior lucratividade em estreia a nivel nacional em 43 países, incluindo Brasil e EUA.

Superando até as espectativas mais otimistas, o próximo marco que a Marvel quer atingir é de maior bilheteria da história do cinema.

Atualmente este ranking é liderado por “Avatar”, com US$2,78 bilhões, seguido de Titanic, com US$2,18 bilhões. Em terceiro temos Star Wars: O Despertar da Força, com US$2,06 bilhões e logo atrás o filme com maior bilheteria da Marvel (pelo menos até então), Guerra Infinita, que atingiu US$2,04 bilhoes.

Entretanto, os números até hoje já são mais do que satisfatórios, batendo os records até da própria Marvel:

Record de maior bilheteria mundial em estreia:

  1. Vingadores: Ultimato – US$ 1,2 bilhão
  2. Vingadores: Guerra Infinita – US$ 640,5 milhões
  3. Velozes e Furiosos 8 US$ 541,9 milhões

A Marvel gastou mais de 200 milhões de dólares em jogadas de marketing que incluiu até crossover em jogo online. Após a divulgação dos primeiros números podemos ter certeza que o valor investido valeu a pena.

Se você ainda não conhece o Universo Marvel mas sentiu vontade de assistir o mais novo sucesso mundial, confira aqui a ordem cronológica dos filmes da produtora para não perder nenhum detalhe!




O mais novo Notebook gamer da Lenovo; Conheça o Legion Y530

A Lenovo é uma fabricante de notebooks muito conhecida por suas versões corporativas e domésticas. Nos últimos anos a marca decidiu mostrar que também sabe fazer dispositivos gamers. Para aprimorar essa ideia, vem aí o mais novo Lenovo Legion Y530, com uma ficha técnica que roda qualquer game do mercado.

O acabamento do Legion Y530 é discreto. Com um design simplista ele não é um notebook gamer com vários LEDs coloridos e detalhes chamativos como os que costumamos ver. Possui apenas LEDs branco nas teclas com 3 níveis de luminosidade. O sistema de resfriamento também é bem aparente. São 4 saídas de ar localizadas nas laterias e na traseira.

A tela tem um tamanho justo, 15,6 polegadas. A qualidade de pixelagem também não deixa espaço para críticas. O notebook usa tecnologia LED IPS e possui 1920×1080 pixels. O aspecto que se diferencia das demais é a tela antirreflexiva, que não atrapalha em ambientes muito iluminados.

Agora vamos para a parte que mais importa quando se trata de um notebook gamer: O desempenho.

O Lenovo Legion Y530 traz um processador Intel Core i5 Quad-core com 2,3GHz. A memória RAM possui 8GB DDR4. Quanto ao armazenamento interno a Lenovo garantiu 1TB. A placa de vídeo é uma GTX 1050 com 4GB.

Para os mais exigentes, há uma versão com Intel Core i7, 16GB de RAM e GTX 1060 com 6GB.

Traduzindo: A versão com i5 roda todos os jogos do mercado, pelo menos, no gráfico medio para alto. Já a versão mais parruda, roda quase tudo no gráfico ultra, no mínimo no alto para ultra em jogos mais avançados.

A única queixa negativa do notebook é a memória interna. O espaço de 1TB é bom, mas o HD usa tecnologia magnética, que é mais lenta que a SSD. Esse aspecto não atrapalha a experiencia in-game, apenas o processo de carregamento do mesmo, podendo demorar até 2 minutos para abrir jogos mais pesados.

A versão com i5 e 8GB de RAM sai custando R$4.999. A que conta com i7 e 16GB, tem o valor de R$7.100.

A visão geral do aparelho é positiva e as especificações batem com o preço. O único cuidado que a Lenovo não teve e que pode atrapalhar as vendas é o armazenamento interno, visto que há notebooks com um preço parecido com tecnologia SSD ou até HDSSD.



Amazon libera versão de testes da Alexa em português

A Amazon liberou a sua assistente social Alexa para alguns usuários do Echo que se inscreveram na versão de testes em português brasileiro. No começo da semana retrasada, dia 19 de abril, os usuários selecionados receberam o update.

O Echo é a caixa de som bluetooth da Amazon. Além da função tradicional das caixas de som, que é ouvir música, o speaker da Amazon vem com a função assistente social.

O serviço de assistente social da Amazon é a Alexa. Você pode “conversar” com ela e realizar inúmeras tarefas a partir do microfone que já vem acoplado na Echo.

Inicialmente lançado apenas em inglês, a Amazon está lançando gradativamente a versão em outros idiomas. Neste mês, a versão de testes em português brasileiro foi disponibilizada apenas para alguns usários.

A opinião de quem recebeu o update foi positiva. A Alexa está quase 100% traduzida para português, apenas deixando alguns temos par trás, como “games” e “latest arrivals”. Essas traduções esquecidas são exceções mas com certeza serão corrigidas nas próximas versões.

Serviços como informar a previsão do tempo, adicionar e receber lembretes de compromissos na agenda e criar alarmes já estão disponíveis perfeitamente. Basta pedir á Alexa.

Vale ressaltar que é possível decidir quais ferramentas serão utilizadas por padrão, seja da Google, Microsoft ou Apple.

As músicas armazenadas no seu celular podem ser solicitadas sem problemas, porém, ela ainda não consegue abrir músicas no Spotify.

A infinidade de tarefas que a Alexa pode fazer ainda inlcui realizar compras online, fazer ligações e enviar e-mails. Elas estão chegando progressivamente na versão brasileira.

A Amazon deixa o usuário ciente: “A Alexa oferecerá um conjunto limitado de recursos, mas novas funcionalidades serão incluídas ao longo do período de testes. Pedrimos qu e tenha paciencia. Quanto mais você interage com a Alexa, mais inteligente ela fica”.

A Amazon não informou a data de lançamento oficial do serviço no Brasil.



Conheça a nova linha Galaxy M da Samsung

A nova linha Galaxy M da Samsung foi divulgada em um evento da marca na cidade de São Paulo, que aconteceu na semana passada, dia 24 de abril.

O grande foco da gigante coreana nesta linha é o custo-benefício. Os smartphones M garantem aos usuários comuns 100% de satisfação.

As especificações técnicas não são as mais avançadas do mercado, porém, são as ideais para quem procura um celular bonito, com fluidez na navegação, capacidade de tirar boas fotos, tela grande e com qualidade HD+ e grande autonomia de bateria. Tudo isso dentro de uma faixa de preço justa.

Serão três novos dispositivos: O Galaxy M10, o M20 e o M30.

Galaxy M10: R$899

O mais barato da linha mas que ainda assim deve ser muito respeitado é o Galaxy M10. Ele traz uma grande tela de 6,2 polegadas com display Ful HD+.

Suas câmeras são três: dupla lente de 13MP e 5MP na traseira e uma frontal de 5MP. Para fotos pessoais pode ter certeza que elas não vão decepcionar.

A memória também é muito justa e traz uma boa fluidez: 3GB de RAM e 32GB de armazenamento interno.

A bateria é de 3.400mAh e dura em média um dia inteiro de uso moderado.

Galaxy M20: R$1.199

O irmão do meio é o M20. As principais evoluções são a presença de um leitor de impressão digital e a de uma super bateria.

A tela é minimamente maior que a do M10, com 6,3 polegadas e a mesma tecnologia Full HD+.

As câmeras traseiras também são iguais, a frontal é superior, com 8MP.

A bateria é o diferencial deste aparelho para outros. Ela possui 5.000 mAh, recurso de carregamento rápido e, segundo a própria Samsung, aguenta incríveis 28 horas de vídeo.

Temos uma considerável melhora no processamento e no armazenamento interno, que são 4GB e 64GB, respectivamente.

Galaxy M30: R$1.499

O M30 é a estrela do lançamento. Ele também possui impressão digital, a super bateria e uma diferença bem grande nas suas câmeras, que já ganham um perfil mais profissional.

A tela é de 6,4 polegadas com display Full HD+.

A câmera traseira é tripla, com 13MP (principal), 5MP (profundidade) e 5MP (angular). A frontal também foi turbinada, e conta com 16MP.

A bateria é a mesma do M20, porém, como o M30 é mais avançado e consequentemente consome mais energia ela deve durar um pouco menos.

Ele também traz bons 4GB de memória RAM e 64GB de armazenamento interno.

A pré-venda dos novos modelos da linha Galaxy M vai durar 24h, e terá início ao meio-dia de 9 de maio. A venda oficial vai acontecer a partir do dia 16 de maio.









Após polêmica, produções da Netflix poderão concorrer ao Oscar

Após uma enorme polêmica, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos EUA, principal reguladora do Oscar, publicou nota permitindo a participação de produções de serviços de streaming.

Toda a história começou quando alguns membros da Academia fizeram uma frente sugerindo uma nova regra na eligibilidade de filmes para participação no Oscar de 2019.

Esta regra diz que para serem indicados ao Oscar os filmes devem, pelo menos, serem exibidos durante uma semana em cinemas.

A frente que é liderada por nada mais nada menos do que Steven Spielberg disse que “A Academia apoia a experiência teatral como parte integrante da arte do cinema, e isso pesou muito em nossas discuções”.

A princípio, esta nova regra foi aprovada pela comissão geral da Academia.

A decisão não durou muito tempo. Poucos dias depois o Departamento de Justiça Norte-Americano enviou uma carta dizendo que as medidas aceitas pela comissão da Academia violavam as leis antitruste do país estadunidense.

Após toda esta polêmica, a pressão do Departamento de Justiça dos EUA fez a medida ser cancelada e serviços de streaming como a Netflix poderão participar do maior prêmio do cinema internacional.

Depois de toda esta novela, Spielberg participou de entrevista para o New York Times e continuou defendendo sua tese: “Sinto que as pessoas precisam ter a oportunidade de deixar a vida familiar e ir a um lugar onde possam sentar-se na companhia de outros e ter uma experiência compartilhada. Chorar juntos, rir juntos e ter medo juntos, para que, quando tudo acabar, eles se sintam um pouco menos estranhos, quero ver a sobrevivência dos cinemas!”.




Uber se prepara para entrar na bolsa de valores

Algumas semanas atrás a Uber demonstrou interesse na campanha de venda de ações e consequentemente inserção na bolsa de valores de Nova York. Nesta sexta-feira, 26 de abril, a companhia divulgou os termos da sua oferta inicial de mercado, concretizando a entrada na bolsa de valores.

Segundo a IPO (sigla americana que significa termos de oferta inicial) da Uber a empresa espera arrecadar cerca de 10 bilhões de dólares com a venda de papéis na bolsa de valores.

Para este arrecadamento, a Uber espera vender 200 milhões de ações ordinárias, cada uma custando entre 44 e 50 dólares.

Outro dado contido na IPO é o valor de mercado previsto. A companhia espera ficar dentro da faixa de 80-90 bilhões de dólares. Os especialistas preveem a marca valendo 84 bilhões de dólares, o que coloca a Uber dentro dos parâmetros esperados pela mesma.

A entrada na bolsa de valores da Uber estava prevista apenas para o segundo trimestre de 2019, porém, o recente investimento de 500 milhões de dólares do PayPal na própria Uber pode alavancar o potencial de investimento popular.

Um fator que pode complicar a entrada da companhia em Nova York é seu prejuízo estimado de 1 bilhão de dólares no primeiro trimestre deste ano. Outro, são as recentes paralisações que ocorreram em San Francisco e Chicago, referente á reclamação de seus motoristas por uma melhor remuneração.

Linha mobile Redmi 7 da Xiaomi tem seu lançamento confirmado no Brasil

A empresa DL Eletrônicos é uma das parceiras da Xiaomi no Brasil e responsável pela distribuição e homologação de alguns dos smartphones chineses na Anatel.

Segundo a DL, os dispositivos Redmi 7 e Redmi Note 7 estarão disponíveis para a compra em território nacional a partir de maio deste ano, apenas esperando o veredito da Anatel em relação á homologação dos aparelhos.

Os aparelhos já podem ser encontrados em algumas lojas, porém, de forma ilegal, visto que qualquer smartphone vendido em território nacional precisa da permissão da Anatel para ser comercializado.

A linha Redmi vem como secundária da linha Mi, que possui os celulares mais potentes, como o Mi 9, último lançamento mobile da Xiaomi que ainda não tem previsão de chegada ao Brasil.

Apesar de serem secundários aos Mi’s, os Redmi’s estão longe de serem considerados básicos.

O Redmi 7 possui tela de 6,26 polegadas com qualidade Full HD+, processador Snapdragon 632 e RAM de 2, 3 ou 4GB. Assim como o número da memória RAM o armazenamento interno também variam: 16GB, 32GB e 64GB são as escolhas disponíveis.

Para usuários mais exigentes a Xiaomi disponibilizou a versão Note, que conta com tela de 6,3 polegadas Full HD+, processador Snapdragon 660 e memória RAM de 3GB, 4GB ou 6GB. O armazenamento interno, assim como o do Redmi 7, varia de 16GB, 32GB ou 64GB.

O preço que os dois aparelhos estarão custando aqui no Brasil não foi divulgado.